BLOG

30 de Junho por Victor Amaral

Você sabe como funciona a política de condutor adicional?

Você sabe como funciona a política de condutor adicional?

Para alugar um carro e seguir as normas da locadora, o motorista passa por avaliações como verificação da carteira de direção, conferência dos documentos pessoais e até mesmo quanto tempo que é habilitado. Mas e o condutor adicional, como fica?

Em casos de condutores adicionais, é necessário colocá-lo como segunda opção de motorista. Para isso existem regras semelhantes ao condutor principal que devem ser respeitadas e afetam diretamente nas proteções ou seguros contratados.

Por isso, neste artigo vamos falar sobre a política de condutor adicional em aluguel de carros. Saiba se é obrigatório, o que é preciso para ser a segunda opção de motorista durante a viagem, além de outras informações importantes. Continue aqui e entenda mais!

aluguel de carros foco

Condutor adicional é obrigatório no aluguel de carros?

O condutor adicional é obrigatório no aluguel de carros somente se houver outra pessoa elegível para o posto. 

Cada locadora possui suas regras, porém juridicamente, quando há mais de uma pessoa que se encaixa nas normas da empresa como motorista e que pretende dirigir, é necessário reforçar a proteção e inscrevê-la como segunda opção de direção.

Mas, se em uma viagem o locatário não tem mais nenhuma pessoa com carteira de habilitação para ficar como segundo motorista, não é necessário achar outro alguém e colocar no contrato. Basta apenas ter o condutor principal. 

Aqui na Foco, por exemplo, a Cláusula IV sobre preço diz que se houver algum outro motorista dentro do carro que seja elegível para dirigir o automóvel, é obrigatório cadastrá-lo como segunda opção.

O que precisa para ser condutor adicional?

o que precisa para ser condutor adicional

O condutor adicional não é qualquer motorista habilitado. Mesmo que a carteira dê o aval para que uma pessoa dirija em território nacional, as locadoras possuem algumas exigências para assegurar os seus veículos e até mesmo a integridade dos passageiros.

Para ser registrado no contrato de aluguel de carro como condutor adicional, é necessário verificar as seguintes informações:

1. Carteira de habilitação em dia

Em primeiro lugar, a carteira de habilitação do motorista adicional precisa estar em dia. Mesmo que ele já seja condutor há anos, se o seu registro estiver com o prazo de validade vencido ou com algum outro problema pendente, isso torna-o inelegível.

Em casos de motoristas que estão atualizando a sua carteira, mas que ainda aguardam a resposta do Detran da sua região, é indicado entrar em contato com a locadora e conversar com os responsáveis pelo aluguel. A autorização nesse caso pode variar de empresa para empresa.

2. Tempo de emissão da carteira

Embora a Lei 13.495/2017 permita que o motorista principal indique um segundo condutor para dirigir o seu automóvel, as locadoras possuem regras próprias, já que os carros são de sua propriedade.

Geralmente essas normas para colocar um condutor adicional pedem exigências como ter mais de 21 anos e pelo menos dois anos com a carteira de habilitação. Isso se deve à segurança do motorista já ter mais prática e menos chances de se envolver em um incidente.

3. Informações pessoais

Por fim, o condutor adicional passa por uma avaliação sobre as suas informações pessoais e de idade. Este é um protocolo de praxe, pois quanto mais jovem forem os motoristas, mais atenção às locadoras dão em relação aos cuidados com o automóvel. 

Isso não quer dizer que os condutores novos não são habilidosos enquanto dirigem. Mas, estatisticamente comprovado, é recomendado que o público mais novo deve ser melhor assegurado para não sofrer com acidentes na estrada.

É cobrada alguma taxa do condutor adicional?

como ser condutor adicional

Sempre que houver um condutor adicional para dirigir o automóvel alugado, será cobrado uma taxa adicional por parte da locadora. Essa quantia serve para garantir a segurança do motorista em casos de acidentes na estrada, cobrindo não somente o condutor principal. 

O acréscimo geralmente é pequeno, já que as principais cobranças estão atreladas ao motorista principal. A ideia de condutor secundário é somente para algumas ocasiões, quando a outra pessoa com carteira não pode dirigir naquele instante e precisa de ajuda.

Como é o cálculo dessa taxa?

Em relação à taxa cobrada, o valor varia de acordo com a locadora e é necessário verificar as políticas e condições de cada empresa. Porém, o que podemos destacar é a forma como esse cálculo é realizado geralmente. 

Algumas deixam o valor fixo; outras, o tempo de experiência do motorista adicional é levado em consideração. Quanto mais jovem o condutor for, maior será o valor, porque ele possui menos tempo de direção. Já aqueles mais experientes, certamente terão essa taxa reduzida.

Outro ponto que interfere na cobrança por parte de algumas locadoras é sobre o status da carteira de habilitação do condutor adicional, caso tenha multas ou esteja com alguma pendência no nome, por exemplo. Mas essa verificação não é obrigatória! Somente alguns lugares fazem. 

aluguel de carros foco

A política de condutor adicional, apesar de ter as suas exigências, é muito bem delimitada para assegurar os passageiros e também à locadora. 

Em algumas ocasiões, o motorista pode conversar diretamente com a empresa e verificar a melhor possibilidade de negociação. Mas isso são casos muito específicos que devem ser discutidos entre ambas as partes.

Na Foco você pode enviar os seus documentos para aprovação, inclusive junto aos do condutor adicional. Em caso de pessoas que reservaram o veículo, mas foram recusados na verificação, o crédito é totalmente estornado para o seu cartão.

Para saber mais sobre aluguel de carros e conhecer a nossa frota, é só acessar o nosso site

Posts relacionados: